Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Arca de Darwin

"Look deep into nature, and then you will understand everything better", Albert Einstein

"Look deep into nature, and then you will understand everything better", Albert Einstein

Arca de Darwin

29
Nov13

Assobiador – o sobreiro mais produtivo de Portugal

Arca de Darwin
O sobreiro (Quercus suber) é, desde 2011, a Árvore Nacional de Portugal, país que é o maior produtor mundial de cortiça. Entre todos os sobreiros lusos há um que se destaca: o Assobiador. Porquê? Porque ele é, de longe, o maior produtor de cortiça.

Assobiador. Sobreiro (Quercus suber), Águas de Moura, Palmela

O nome deve-o a turistas ingleses que o baptizaram de Whistler Tree (árvore que assobia) devido às inúmeras aves que se refugiavam e cantavam nos seus ramos.

Quando o visitei estava silencioso, mas imponente, e bem assente nos seus 230 anos de existência. De facto, este exemplar foi plantado em 1783 no Chaparral do Mendonça, na vila de Águas de Moura. 

De então para cá cresceu 20,6 metros em altura e o tronco alcançou um perímetro de 5,24 metros na base e 4,15 metros a 1,30 metros de altura.

A copa tem um diâmetro de cerca de 29 metros e, segundo as gentes da vila, dá sorte aos noivos que se casem à sua sombra – razão pela qual também é conhecido por “árvore casamenteira”.

A primeira extracção da valiosa casca deu-se aos 37 anos de idade e, desde então, os machados certeiros dos corticeiros já lhe despiram o tronco mais de 20 vezes.

 

 Como já referi, em 1991 produziu uns impressionantes 1.200 quilos de cortiça, que originaram 100.000 rolhas. Este valor é superior ao que a maioria dos sobreiros produz ao longo de toda a vida.

O Assobiador foi classificado como “árvore de interesse público” em 1998.