Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Arca de Darwin

"Look deep into nature, and then you will understand everything better", Albert Einstein

"Look deep into nature, and then you will understand everything better", Albert Einstein

Arca de Darwin

20
Mai20

Douradinha-silvestre ("Thymelicus sylvestris")

Arca de Darwin

A bonita borboleta da primeira fotografia é um macho da espécie Thymelicus sylvestris, ou douradinha-silvestre. A risca preta que se vê na superfície superior da asa direita chama-se mancha androconial, e é por onde os machos segregam o odor que atrai as fêmeas. Outra característica desta espécie (e que permite distingui-la das outras duas espécies deste género que existem em Portugal: a T. acteon e a T. lineola) é que as extremidades das antenas são cor de laranja (na última foto esta característica não é clara, pelo que pode tratar-se de um indivíduo de uma das outras duas espécies).

Thymelicus sylvestris 1.jpg

 

A douradinha-silvestre tem uma envergadura de 26 a 30 milímetros.

Thymelicus sylvestris 2.jpg

 

É uma espécie comum em Portugal, gosta de prados floridos e o adulto voa de Abril a Agosto.

Thymelicus sylvestris 3.jpg