Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Arca de Darwin

"Look deep into nature, and then you will understand everything better", Albert Einstein

"Look deep into nature, and then you will understand everything better", Albert Einstein

Arca de Darwin

16
Mai14

Árvore com tronco de papel ("Melaleuca quinquenervia")

Arca de Darwin

Foi a primeira árvore em que reparei quando cheguei à Austrália. A característica que mais chama a atenção está bem gravada no nome comum: paperbark tree, ou seja, árvore-com-casca-de-papel (Melaleuca quinquenervia).

paperbark tree 1(800x533)

De facto, o tronco "desfaz-se" em camadas de folhas de papel que acabam por expor o centro lenhoso.

paperbark tree 2 paperbark tree 3 paperbark tree 4 paperbark tree 5

O papel, já se sabe, arde depressa, mas para esta espécie essa é uma vantagem que permite resistir a fogos florestais: a combustão é tão rápida que o fogo extingue-se num ápice, deixando o resto da árvore intacta.

paperbark tree 6

Aqui em Perth, Austrália, a paperbark é uma das árvores mais usadas para decorar ruas e passeios. As aves e os insectos agradecem, pois encontram nas suas flores o muito desejado néctar.

paperbark tree 7 paperbark tree 9

A espécie prefere zonas húmidas, como margens de rios e lagos, onde cresce até aos 20 metros de altura.

paperbark tree a 11

No Lago Herdsman a paperback existe em grande densidade, formando uma floresta cerrada de aspecto algo fantasmagórico.

paperbark tree a 12 paperbark tree a 13 paperbark tree a 14

Há muito que os aborígenes conhecem as propriedades terapêuticas desta planta - por exemplo, usam-na para tratar constipações e dores de cabeça. Actualmente ao seu óleo reconhecem-se propriedades anti-sépticas e anti-bacterianas, e também utilizado na indústria cosmética.

paperbark tree a 15

26
Mar14

Uma gaivota diferente

Arca de Darwin

A ave repousava num pedaço de areia rodeado de água numa praia australiana.  Parecia uma gaivota, mas não daquelas que habitualmente vejo. A  maior dimensão (pesa cerca de 1 kg) e o largo bico destacavam-se num corpo castanho claro, denunciador de tenra idade (os adultos têm cabeça branca e asas pretas).

Se não estou em erro trata-se de uma gaivota-do-Pacífico - Pacific gull (Larus pacificus).

larus pacificus 2 (800x533)

Entre várias características que distinguem esta gaivota há duas mais interessantes. A primeira é que é um animal solitário. A segunda é que tem o hábito de capturar moluscos, como lapas e mexilhões, e largá-los a grande altura de modo a que se quebrem contra rochas de modo e exponham o suculento interior.

larus pacificus 1 (800x533)

Medem 66 cm e a envergadura chega até aos 150 cm (como termo de comparação, o nosso guincho mede 38 cm e tem envergadura de 91 cm).

08
Mar14

A Encantadora de Pegas-cotovias

Arca de Darwin
O título até soa bem - The Magpie Whisperer -, mas a apresentadora seria muito diferente do César Millán: loira, australiana e com 9 anos de idade. Conheci esta mulherzinha no fim-de-semana passado. Sentados na relva, ela sorria enquanto o pai contava que, certo dia, depois de muito a procurarem, encontraram-na no topo de um pinheiro de Norfolk (árvore com altura de um prédio de seis andares), sentada num ramo a "falar" com as pegas-cotovias.

magpie

Da capacidade trepadora já me apercebera, quando a vi descer de uma árvore com agilidade felina, mas a conversa com as aves era novidade. "Imita lá o som que fazes para as chamar", desafiou o pai. E ela lá assobiou, copiando a cantilena das magpies-larks. "O pior é quando as chama para dentro de casa, porque depois tenho de limpar a porcaria que fazem quando se assustam...", lamentou a mãe, sacando do telemóvel para mostrar a foto em cima que ilustra o dom da filha, e que teve a gentileza de partilhar com a Arca.
03
Mar14

Esculturas com sabor a mar

Arca de Darwin
Ontem (Domingo), ao final da tarde, passei por Dunsborough, pequena vila costeiracerca de 250 km a sul de Perth, eleita em 1999 melhor destino turístico daAustrália Ocidental. Conta com pouco mais de 3.000 habitantes, mas muitos têmveia artística, como constatei através da exposição de esculturas de talentoslocais. O mar e os seres que o habitam são a fonte de inspiração para a maioriadas obras apresentadas. Ora veja:

dunsborough 1 dunsborough 2 Dunsborough 3 dunsborough 4 dunsborough 5 dunsborough 6 dunsborough 7 dunsborough 8 dunsborough 9 dunsborough a 10 dunsborough a 11 dunsborough a 12 dunsborough a 13